Arsênio · Cianureto de Potássio

Rapaz…

Eu tava lembrando dumas coisas…. Sabe como é? É que a gente fica parado muito tempo, pensa em um monte de coisa e acaba lembrando um monte de coisa, também.

A memória é tipo a parte preguiçosa do nosso cérebro. A parte gorda, que tem preguiça de trabalhar.  A parte que a gente deixa meio de lado, mas que sempre está lá.

A memória das coisas antigas, eu digo. A memória dos detalhes. A memória afetiva, a memória dos sentimentos e sensações. É a memória do arrepio que uma certa música dá na nossa nuca. A memória do cheiro e do gosto, do toque e do som… Da dor, da luz, da sombra, da idéia.

A memória daquilo que está guardado dentro da gente e que nos define como quem somos.

Ah, memória… Ficar muito tempo parada me faz acessar a memória. E eu lembro de tudo, absolutamente tudo que já vivi na minha vida.

É o tipo da coisa que deixa a gente comovido.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s